Referências & Referenciais

Dentre os pensamentos que consideramos ecotecnocratas de Albert Einstein destacamos os seguintes:

Albert Einstein escreveu: “Mas a tradição histórica é, por assim dizer, coisa do passado; em lado nenhum ultrapassamos de fato o que Thorstein Veblen chamou de “fase predatória” do desenvolvimento humano.”

Albert Einstein escreveu: “Os politiqueiros ambiciosos e sem escrúpulos, por suas intrigas, são os responsáveis por esse fracasso, mas também, por toda parte, em todos os países, a indiferença e a covardia. Se não mudarmos, pesará sobre nós a responsabilidade do aniquilamento da soberba herança de nossos antepassados”

Albert Einstein escreveu: “O capital privado tende a se concentrar em poucas mãos, em parte devido à competência entre os capitalistas, e em parte porque o desenvolvimento tecnológico e a crescente divisão do trabalho alentam a formação de unidades maiores de produção em detrimento das menores. O resultado destes desenvolvimentos é uma oligarquia do capital privado cujo enorme poder não pode ser controlado efetivamente nem sequer por uma sociedade política democraticamente organizada. Isto é assim porque os membros dos corpos legislativos são selecionados pelos partidos políticos, em grande medida financiados ou de alguma maneira influenciados por capitalistas privados que, por todos efeitos práticos, separam o eleitorado da legislatura.”

Albert Einstein escreveu: “Uma economia planejada, que ajuste a produção às necessidades da comunidade, distribuiria o trabalho entre todos aptos a trabalhar e garantiria os meios de vida de todos, homem, mulher e criança. A educação do indivíduo, além de promover suas próprias habilidades inatas, intentaria desenvolver em um sentido de responsabilidade por seu próximo, em lugar da glorificação do poder e do êxito em nossa sociedade atual.[…]“como é possível, considerando a muito abarcadora centralização do poder, conseguir que a burocracia não seja todo poderosa e arrogante? Como podem proteger os direitos do indivíduo e mediante ele assegurar um contrapeso democrático ao poder da burocracia?”

Albert Einstein escreveu: “Estamos no alvorecer de um novo mundo. Os cientistas têm dado aos homens poderes consideráveis. Os políticos se aproveitaram deles. O mundo deve escolher entre a desolação indizível de mecanização para o lucro e conquista, ou a jovem ciência e técnica para atender às necessidades sociais de uma nova civilização.”

Recomendamos as seguintes referências online que figuram entre nossas principais fontes:

http://www.veblen-institute.org/

http://socialphysics.media.mit.edu/

http://www.eoearth.org/

http://www.social-ecology.org/

http://dsds.teriin.org/2015/georgescu.php

http://www.ifch.unicamp.br/ojs/index.php/rhs/article/view/129

Essas fontes registram nossos referenciais, dentre os quais destacamos: Abílio de Nequete, Albert Einstein, Marion King Hubbert, Nikola Tesla, Thorstein Veblen, Yehia M. El-Sayed, Peter A. Corning, Murray Bookchin e Georgescu-Roegen.

BIBLIOGRAFIA BÁSICA (RECOMENDADA E DISPONÍVEL ONLINE):

AGENDA DE BIOECONOMIA PARA O BRASIL:

http://arquivos.portaldaindustria.com.br/app/conteudo_24/2013/10/11/410/20131011094912801299u.pdf

BOOKCHIN, Murray.  Ecologia Social.   Disponível em: http://www.ia.ufrrj.br/ppgea/conteudo/conteudo-2007-2/T1-2SF/Luis/EcologiaSocial.doc

CRUZ FILHO,Murillo Cruz – Diagrama disponível em:  https://sites.google.com/site/murillocruzfilho/12-diagramas-para-os-cursos/estudo-de-economia—diagrama-1

MOSÉ, Viviane. Conferência Estímulo à Perspectiva, proferida pela filósofa e psicóloga Viviane Mosé no encontro Educação e Participação – Conquistas e Desafios, que comemorou os 20 anos do Instituto C&A. O encontro foi realizado em Atibaia (SP), entre 8 e 10 de novembro de 2011.

SMITH, Howard, Celeste, SMITH; A Technological Social System. 1991. The Northwest Technocrat, 2nd quarter 1991, No. 323.

Disponível em:

http://www.technocracyincorporated.org/uploads/3/0/7/0/30701439/a_technological_social_system_-_celeste_and_howard_smith_-_1991.pdf

SINGER, Paul. A ECONOMIA SOLIDÁRIA NO GOVERNO FEDERAL. Disponível em:

http://portal.mte.gov.br/data/files/FF8080812BAFFE3B012BBFBB292256E7/conf_textopaulsinger.pdf

VEBLEN, Thorstein. Os engenheiros e o sistema de preços. 1921. Disponível em:

http://socserv2.mcmaster.ca/~econ/ugcm/3ll3/veblen/Engineers.pdf

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s